OPINIÃO: Por que o comunismo é tão difamado?

Nota do blog: Artigo do companheiro Gomes Gamarra sobre a luta pelo comunismo e como a enfrenta a burguesia e o imperialismo: além da repressão brutal já conhecida, soma-se a invenção de mentiras sobre o comunismo e financiamento aos oportunistas para causar confusão ideológica entre o povo. Destinado a seção Opiniões do blog.


 

Por que o comunismo é tão difamado?

Metade da riqueza mundial está concentrada na mão de apenas 1% da população. Como disse Marx: “A história de toda sociedade até os dias atuais é a história da luta de classes.”

Então, dos problemas que se originam no seio de nossa sociedade ao confronto que se dá contra eles, vemos um antagonismo, confronto, entre duas classes – a burguesia e o trabalhador.

No meio dessa busca pelos nossos direitos, surgiram diversas teorias e formas de lutas. Todas elas são um confronto à burguesia, pois os direitos ao trabalhador desfavorecem ao empregador, por isso sempre veremos greves e protestos sendo combatidos com violência do estado (instituição para proteger a burguesia). Por mais besta, minima, que sejam nossas pautas, se elas vão contra aos interesses burgueses isso já é motivo para eles nos confrontarem com ferocidade.

Tendo em vista isso, imaginem a luta do trabalhador no seu mais alto grau, aquela que não só busca reformismos, que não busca apenas uma condição um pouco melhor para nós, mas que busca a completa aniquilação do estado burguês e da propriedade privada, falo do comunismo, precisamente, marxismo-leninismo.

Ora, se simples reformismos, que não passam de conciliação de interesses entre a burguesia e o proletariado já geram confrontos, o que dirá daqueles que buscam o fim da classe burguesa e seus privilégios, que busca a ditadura dos trabalhadores sobre essa burguesia, a ditadura da maioria sobre essa minoria de 1% que nos governa?

Propaganda anticomunista, muito recorrente na “guerra fria”

Pois bem, daí teríamos a maior de todas as guerras civis, uma vez que essa burguesia ameaçada agiria com todas as suas forças para impedir a revolução das massas, usariam do controle dos meios de comunicação para inventar e propagar mentiras que difamassem essa revolução que emerge do povo. Seriam rasteiros, manipuladores, sensacionalistas. Uma vez que são apenas 1% tentariam coagir o povo para que ficasse contra o povo revolucionário, e que essa fração reacionária servisse de defesa à burguesia.

Mais do que nunca a burguesia com o medo que tem de sua total extinção passa a ceder espaços e colaborar junto com outros movimentos de classes mas que não chegam perto do radicalismo do comunismo marxista-leninista, daí surge partidos, sindicatos e organizações que em teoria defendem aos interesses dos trabalhadores, mas que em prática o patrão que bate o martelo. Vemos o crescer do anarquismo, que em sua teoria é revolucionário, mas que em prática tem mostrado nenhuma eficiência, e se não tem eficiência a burguesia vai preferir esse ao comunismo que quando colocado em prática teve-se 1/3 do globo sob domínio do proletariado, e por anos, ao contrário das poucas revoluções anarquistas que não duraram nem um ano.

A burguesia trabalha com a desinformação, em primeiro combate à esquerda populista (com fraseologia “socialista”), depois ao anarquismo e ao trotskysmo, e por último ao mais danoso de todos, o Marxismo-leninismo, de modo que todos os anteriores combatem este último. A burguesia cooptou essas formas de luta de classes por não serem efetivamente danosas a ordem burguesa, para que essas se promovam como mais justas sobre o então difamado comunismo marxista-leninista.

A burguesia trabalha para que as massas vejam o comunismo como um regime atrasado, autoritário, explorador e assassino, mentiras que são repetidas milhões de vezes por diversos tipos de pessoas de liberais, governistas, anarquistas, trotskystas, revisionistas, social-democratas, nazistas, fascistas, etc.

O comunismo é a ideologia de classes mais extrema e bem desenvolvida. Não visa fazer acordos ou conciliar com a burguesia e o imperialismo, nem manter traços desse sistema, mas sim erradica-ló por completo, por isso é a ideologia mais odiada e combatida pela burguesia e a que ela mais se empenha em perpetuar esse ódio em meio às massas através da desinformação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s