Em defesa da vida e saúde do Presidente Gonzalo (FERP – Chile)

Nota do blog: Seguimos com a publicação de declarações emitidas em torno da campanha internacional pela defesa da vida e saúde do Presidente Gonzalo e o Pensamento Gonzalo, dessa vez da FERP – Frente de Estudantil Revolucionária e Popular (Chile), atendendo ao chamado do Partido Comunista do Brasil (Fração Vermelha).


Hoje 23 de março de 2017, como ativistas revolucionários, atendemos ao chamado da campanha “Defesa da vida e saúde do presidente Gonzalo e o pensamento Gonzalo”, pois tomamos firme posição, porque o Presidente Gonzalo é o maior marxista-leninista-maoísta, é exemplo para o povo oprimido, para quem hoje toma posição pelo caminho da Guerra Popular como único caminho para romper as cadeias de opressão e expulsar o imperialismo da face da Terra.

Aderimos à campanha em defesa da vida do presidente Gonzalo, pois ele deu aplicação universal ao Maoísmo e à teoria da Guerra Popular, que é o mais avançado que temos os explorados do mundo para alcançar nossa libertação. O presidente Gonzalo e os guerrilheiros do Peru são exemplos para os povos do mundo, e são armas letais para os inimigos dos explorados: a grande burguesia e os latifundiários; pois desfraldaram, defenderam e aplicaram nas condições concretas do Peru a arma dos povos do mundo, a todopoderosa idoelogia do proletariado: o Maoísmo.

Queremos dar um espaço para demarcar linha divisória com as ratazanas revisionistas e oportunistas da LOD, que são parte do velho Estado peruano e enchem a boca falando de acordos de paz que supostamente o Presidente Gonzalo firmou, dando fim à luta armada. Sabemos que isto não é mais que uma farsa e que a Guerra Popular no Peru segue mais viva que nunca e, apesar dos recodos [N.T.: obstáculos, curvas, desvios] sofridos por golpes da reação, continuam realizando-se as ações de agitação e propaganda e empunhando com ainda mais firmeza o fuzil.

Hoje entendemos que as condições são irremediáveis: encontramo-nos na época da ofensiva estratégica da Revolução Proletária Mundial, dentro dos 50 a 100 anos do afundamento do imperialismo, vemos que faz aproximadamente 25 anos que não há um ano sequer sem explodir revoltas a nível mundial, pois as massas exploradas já não querem seguir sendo governadas como antes e os governantes não podem seguir fazendo-o como até hoje. É por isso que tomamos com firmeza a tarefa principal que temos como povo: que é lutar por conquistar o Poder em nosso país para expulsar o imperialismo, principalmente ianque, que mantém as massas oprimidas na miséria, também para solucionar de uma vez por todas o problema da concentração da terra em poucas mãos como se dá no sul do Chile, através das florestas que afetam diretamente camponeses pobres chilenos e Mapuche. Para lograr a vitória devemos cumprir a tarefa pendente dos revolucionários chilenos que é Reconstituir o Partido Comunista que fundara Recabarren em 1922, um partido com linha vermelha que, em sua teoria e ação, tome firme posição pelo maoísmo como terceira e superior etapa do marxismo-leninismo, a ideologia científica do proletariado; um partido que sirva aos interesses por completo do povo e não das classes dominantes como o faz hoje o falso PC dirigido por Teiller. Fazemos o chamado a todos os revolucionários a somarem-se ao internacionalismo proletário e apoiar, defender e aplicar a teoria da Guerra Popular, segundo as condições concretas de seu país, tomando como exemplo aos companheiros do Peru, Índia, Filipinas e Turquia.

Defender o Presidente Gonzalo! Viva o pensamento gonzalo!

Viva o caminho da Guerra Popular! Viva o Partido Comunista do Peru!

Honra e glória aos combatentes do Peru e ao Presidente Gonzalo!

Viva a otimista tarefa de reconstituir o Partido Comunista de Recabarren!

Frente de Estudantes Revolucionária e Popular

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s